Nosso Blog - Categorias

Conheça cada tipo de latido

A Clínica PataAmar reuniu, nesse artigo, os diferentes motivos que levam seu cachorrinho a latir demais, leia e saiba mais.

As diferentes causas dos latidos do seu cachorro

Os latidos são a principal forma que o seu cachorro tem de se comunicar e expressar sentimentos. Por isso, antes de imaginar que os latidos em excesso indicam algo mais sério, que precisa de tratamento com o veterinário, por exemplo, fique atento ao cotidiano do animal: quase sempre, os cachorros latem demais por razões comportamentais. Dê uma olhada nesses e em outros motivos para os latidos aqui embaixo:

  1. Latido protetor: muito comum em cães com instintos de caça e proteção do dono, esse tipo de latido acontece quando ele acha que alguma coisa que se aproxima pode te colocar em perigo. É muito comum durante os passeios, pode ser direcionado tanto a pessoas quanto a outros animais e também pode anunciar um possível ataque de acordo com o nível da ameaça. Outra situação bastante comum é cachorros que moram em apartamento e latem quando ouvem barulho de vizinhos enquanto você está em casa;
  2. Latido entediado: se você já ouviu reclamações dos vizinhos sobre a quantidade de latidos do seu cachorro durante o dia, enquanto você está na rua, é bem provável que ele esteja sofrendo de algo muito comum aos humanos: tédio. Cachorros muito ativos ficam assim quando passam muito tempo sem ter o que fazer (e é aí que eles tendem a destruir tudo o que veem pela frente) e os muito sentimentais e apegados, fazem isso por estarem sem a companhia do dono. A ansiedade da separação também pode causar esse comportamento, mas, nesse caso, os latidos não costumam ser o único sintoma. Dependendo da raça, também é comum que o cachorro uive nesse momento;
  3. Latido feliz: esse é fácil de identificar e geralmente vem acompanhado de pulinhos, agitação e rabo balançando. São muitos latidos repetidos em momentos muito empolgantes, como na hora em que você chega em casa do trabalho — geralmente, não há motivos para se preocupar nesse caso;
  4. Latido amedrontado: assim como todos nós, até os cachorros mais valentes e protetores sentem medo — a razão vai variar de animal para animal. O latido de medo acontece junto de uma postura retraída no corpo do cão e pode estar ligado a algum tipo de trauma que ele tenha tido no passado. É muito comum, por exemplo, em dias de chuva com muitos trovões ou na época de fim de ano, quando as pessoas soltam muitos fogos de artifício;
  5. Latido sintomático: geralmente, quando o cachorro fica doente, é comum que ele adote um comportamento mais letárgico e retraído, mas em alguns casos, os latidos também podem aparecer nesse momento. Fique atento: talvez ele esteja com alguma dificuldade auditiva ou queira mostrar que está sentindo alguma dor;
  6. Latido territorial: a noção territorialista que é instinto de boa parte dos cachorros também pode ser a razão para os latidos em excesso do seu cachorro. Acontece que se ele sentir que uma pessoa ou animal pode ameaçar o lugar dele em casa ou a posição dele do seu lado durante um passeio — como quando outro cachorro se aproxima — ele vai latir para demonstrar que aquele lugar tem dono e já foi ocupado;
  7. Latido carente: é a evolução do latido de felicidade e pode substituir o de tédio. Se você passou o dia todo fora de casa, esse é o latido usado pelo animal que quer a sua atenção, seja com uma brincadeira, um carinho ou um passeio — vai depender da personalidade e das vontades dele

Lembrando

A Clinica Veterinária PataAmar atua na cidade de Cascavel e região, no interior do Paraná (PR). Oferecendo excelente atendimento nas áreas de Banho e tosa, com o melhor atendimento na área de estética animal (petshop). Também temos atendimento de urgência e emergência veterinária com plantão vinte e quatro horas ( 24 horas ) por dia, sete (7) dias da semana.

Contando com ótimos veterinários, especializados para atendimento rápido a qualquer momento, dia e noite, colocando seu filhote em primeiro lugar. Além de oferecer serviços como exames de imagem para o seu dog, como radiografia (Raio x), ultrassonografia, endoscopia. Temos ainda, fisioterapia veterinária, creche, vacinação com as melhores vacinas do mercado, todos os tipos de cirurgias. Incluindo castração de cães e gatos, limpeza de tártaro, internamento veterinário para seu pet, exames laboratoriais, como hemograma, entre outros.

Venda de produtos como caminhas, caixas de transporte, ração, remédios/medicamentos, brinquedos, coleiras, roupinhas e inúmeros outros produtos de primeira qualidade. Disponibilizando ainda de taxi para o seu pet (o famoso PataMóvel Táxidog) para realizar serviços de busca e atendimento domiciliar. Uma ambulância móvel, para um cuidado com o maior carinho e qualidade superior, da forma que seu animalzinho merece.

Serviços Oferecidos tanto para cachorro, gato, como até mesmo para animais silvestres, incluindo coelho, aves e hamsters. Oferecendo preço justo com atendimento bom e barato, com todo o comprometimento que seu animal de estimação merece. Pois aqui elevamos o cuidado veterinário a um novo patamar.

Responsável Técnica:
Médica Veterinária Jéssica Caroline de Almeida Vendrame CRMV-PR: 18.560
Rua Francisco Bartinik, 1415, Cascavel/PR
Fone: (45) 9.9155-3286

Nosso objetivo é mudar o mundo através do amor com os animais.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe

Últimas Postagens

Por que Gatos Ronronam?

Quem tem gatinho sabe: Aquele momento tranquilo em que sentamos no sofá ou poltrona, ele se aconchega em nosso colo e logo ronrona! É a prova

Leia Mais

Também sou Pet: Furão

Se você é fã de pets diferentes, o ferret pode ser o amigo ideal. Apesar de ainda ser incomum encontrarmos esse fofo mamífero no Brasil,

Leia Mais

Motivos para iniciar acupuntura no seu pet

A acupuntura em cachorros  é um recurso terapêutico que utiliza agulhas específicas visando estimular determinados pontos pelo corpo, para promoção, manutenção e recuperação da saúde e melhorias

Leia Mais